Defesa & Geopolítica

Armas bilionárias que a Coreia do Sul pretende comprar dos EUA

Posted by

FILE PHOTO – Submarino de mísseis balísticos classe Ohio USS Pennsylvania © Foto da Marinha dos EUA

Em sua passagem pela Coreia do Sul nesta terça-feira, o presidente norte-americano Donald Trump exaltou os acordos militares fechados entre Washington e Seul, que renderão bilhões de dólares aos Estados Unidos em troca de armas que os sul-coreanos não possuem em seu arsenal.

“Temos o melhor equipamento militar no mundo e a Coreia do Sul pedirá bilhões de dólares desse equipamento, o que para eles faz muito sentido e para nós significa empregos e reduzindo nosso déficit comercial com a Coreia do Sul”, afirmou Trump, citado pela agência de notícias Yonhap.

“Eles estarão ordenando bilhões de dólares em equipamentos e já aprovamos algumas dessas ordens”, completou o presidente dos Estados Unidos. Presente ao lado de Trump na mesma coletiva de imprensa, o presidente sul-coreano Moon Jae-in confirmou a negociação.

“Concordamos em começar imediatamente as consultas para a aquisição e o desenvolvimento da Coreia do Sul de recursos de vigilância militar de última geração”, revelou.

A capacidade de defesa de Seul contra as ameaças militares da Coreia do Norte foram um dos tópicos do encontro entre Trump e Moon na capil sul-coreana. De acordo com a agência de notícias local, as Forças Armadas da Coreia do Sul definiram quais são as suas prioridades para reforçar as suas defesas.

Um dos equipamentos que Seul quer adquirir junto aos EUA são satélites espiões para ajudar a monitorar as atividades nucleares e de mísseis da Coreia do Norte. Os outros são submarinos nucleares, ausentes da frota marítima da Marinha local. Ambas as armas nunca foram negociadas pelos norte-americanos com outros países.

Segundo a Yonhap, o governo da Coreia do Sul sugeriu a venda de tais equipamentos militares por meio de um “desenvolvimento conjunto”, com a devida transferência de tecnologia relevante. Os detalhes de tais acordos, porém, ainda não foram revelados e Seul destacou apenas que tudo está sendo conversado entre os dois países.

Outros equipamentos que os sul-coreanos têm interesse são o sistema de vigilância conjunta e radar de ataque alvo (JSTARS), o interceptor baseado no navio SM-3, o avião de patrulha marítima P-8A, e mais caças 20 F-35.

Até aqui, a Coreia do Sul já gastou US$ 32 bilhões com armas fornecidas pelos EUA apenas na última década. As compras incluem quatro veículos aéreos não tripulados RQ-4 Global Hawk (UAVs) e 40 caças F-35.

Fonte: Sputnik

Edição: Plano Brasil

5 Comments

  1. Pingback: Armas bilionárias que a Coreia do Sul pretende comprar dos EUA | DFNS.net em Português

  2. Lucas says:

    Esses valores não pesarão na balança comercial entre eles… pelo tanto que os EUA compram de produtos sul coreanos, isso ai é troco…

  3. vanicio says:

    a guerra ou pelo menos uma sombra dela , faz sempre com que os eua nadem no dinheiro ,,, vou viajar na maionese e dizer que nao custa nada pros eua combinarem uma briguinha com um pais qualquer (ate a coreia do norte serviria) para vender billoes , trilloes de dolares em armas ,,,,, nao duvido nada ,,,, nos simples humanos somos apenas moscas neste mundo das potencias… e debaixo deste edredon rola muita coisa que nem froid explica , ou mellor, froid nem sonha . kkkkk
    este teatrinho de guerra ainda vai render trilloes ao eua podem apostar .. agora guerra mesmo , de potencia nuclear contra potencia nuclear , nos so vamos ver daqui uns 200 anos , isso se papai do ceu nao nos explodir antes. kkk

  4. PÉ DE CÃO says:

    a coreia do sul e o japao tem condiçoes de fazer muito melhor que os americanos
    mas sao dois estados fantoche
    estados unidos nao precisa combinar com a coreia do norte , pois ele apenas cutuca e obriga os coreanos do sul a comprar armamanto deles
    igual faz na otan ja saiu ate materias mundiais a respeito disso
    otan virou um mercado para venda de armas americanas
    procurem filmes sul coreanos , e vejam o jeito que eles enchergam os norte americanos
    eu vi um que era um contagio de uma doença e os norte americanos queriam jogar uma bomba atomica na regiao toda
    e seu governo lutava contra as suas decisões
    mas estava claro o mando e desmando americano no filme que por causa dele so troxe erros e piorou a situaçao
    a coisa so melhorou quando eles tiraram os gringos do comando da operação

    isso e um filme sul coreano , eles sabem que sao boi de piranha de gringo
    mas estao invadidos por uma das maiores bases americanas no mundo
    resumo aliado americano sem armas nucleares em sua posse nao passa de um fantoche
    olha ate rimou rsrs
    acorda brasil

  5. andromeda1016 says:

    Pé de cão,
    A Coreia precisa se alinhar com alguém forte senão perece.
    Ví em algum lugar na internet que dizia que se a Coreia estivesse na Europa seria uma das maiores potencias econômicas e militares do lugar, rivalizando com as potências de lá como a França e o Reino Unido.
    O problema é que no lugar onde se situa é um pequeno entre grandes logo precisa se aliar a outro, e neste caso os EUA são a melhor escolha.
    Não é a parceira prefeita (isso não existe) mas se se alinhasse a outros a sua situação seria bem pior afinal o desmando e controle externo seria pior e ainda sofreria perigo de anexação.
    O EUA são a melhor escolha entre os demônios por ai e o resultado desse alinhamento se vê no progresso do país. Se tivesse se alinhado à China ou Rússia a sua situação hoje seria diferente.
    Temos que ser realistas, não existe potência boazinha, existe a menos pior. Se o Brasil fosse uma potência como os EUA seria um demônio como qualquer um impondo o seu interesse nos seus vizinhos e o resto do mundo.

shared on wplocker.com