Defesa & Geopolítica

EUA enviam novas tropas à Síria

Posted by

Centenas de soldados são mobilizados para reforçar as tropas da coalização liderada por Washington em território sírio, visando iminente ofensiva contra o EI em Raqqa. Forças incluem oficiais da Marinha e Rangers.

Os Estados Unidos ordenaram o envio de novas tropas à Síria para reforçar uma ofensiva contra o “Estado Islâmico” (EI) na cidade de Raqqa – principal reduto jihadista no país e capital não oficial do autodenominado califado –, confirmaram autoridades americanas nesta quinta-feira (09/03).

Segundo o jornal New York Times, essas tropas adicionais incluem membros da infantaria da Marinha e das forças especiais dos Rangers, que já chegaram ao país. A missão desses soldados, de acordo com o veículo, será ajudar no preparo das forças sírias para a iminente investida em Raqqa.

“Estamos preparando apoio logístico e de artilharia para permitir uma ofensiva bem-sucedida na autoproclamada capital do EI”, afirmou, ao mesmo jornal, o coronel John Dorrian, porta-voz da coalizão liderada pelos Estados Unidos para combater o grupo terrorista na Síria e no Iraque.

Dorrian disse que, por motivos de segurança, não será divulgado o número exato de soldados americanos na Síria, bem como sua localização nessa ofensiva, mas confirmou que “cerca de 400 tropas adicionais foram mobilizadas temporariamente para permitir a derrota do EI em Raqqa”.

Em audiência no Senado americano, o general do Comando Central militar dos EUA Joseph Votel também confirmou o envio desses soldados, segundo agências de notícias internacionais.

Na luta contra o EI na Síria, Washington tem como principal parceiro as Forças Democráticas Sírias (SDF), que incluem milícias curdas. A aliança não agrada a Turquia, que, por sua vez, opera na Síria com a prioridade de evitar que os curdos controlem o norte do país ao longo de sua fronteira.

Desde novembro do ano passado, a coalizão liderada pelos Estados Unidos vem trabalhando para isolar o “Estado Islâmico” em Raqqa, onde as Forças Armadas americanas estimam haver entre 3 mil e 4 mil combatentes do grupo terrorista.

À agência de notícias Reuters, Dorrian garantiu que os esforços para cercar a cidade estão indo “muito bem” e podem ser concluídos em algumas semanas. Nos últimos dias, as SFD bloquearam a rodovia que liga Raqqa à província de Deir ez-Zor, última importante saída do reduto jihadista.

Edição: konner@planobrazil.com

Fonte: DW

8 Comments

  1. ” A missão desses soldados, de acordo com o veículo, será ajudar no preparo das forças sírias para a iminente investida em Raqqa. ”

    Não são os EUA que apoiam enfaticamente a oposição ao exército sírio?
    Agora está a ajudar o exército sírio?

    Não entendo mais nada.

    Tanto americano quanto russo deveriam sumir da face da terra. Por onde passam, onde pisam ou o que fazem deixam rastro de “merda” no ar.

    Mas daí tu pensa que esta livre mas não, viriam chineses pra dominar o mundo, viriam iranianos, franceses, o seja la o que for.

    Em resumo o que reina é a hipocrisia.

    Contam-lhe uma história… o fazem acreditar nela como uma verdade absoluta. Lavagem cerebral.
    Crê nela quem quer ou se permite cair no conto do vigário.

    Daí tu se firma de uma lado e veste a armadura para defender com unhas e dentes uma ideologia.
    Eu não vejo muita diferença entre um maníaco elemento do EI consumido por seus ideais malucos, e um defensor de americano e russo com suas palavras destilando verdades ideologias irrefutáveis.
    Talvez a diferença seja que um maníaco do EI seja um imbecil que mata a si próprio e leva consigo gente inocente a troco de nada e os defensores ideológicos dos americanos e russos matem nada mais do que suas próprias pífias consciências em algo que não lhes trará nada de grandioso em suas míseras vidas de trabalhadores, a nao ser um apanhudado de palavras mal ditas e sem sentido algum.

    • Estao promovendo apoio aos Sirios da etnia CURDA , aliados tambem no Iraque , eh por isso que a Turquia ta fazendo birrinha , treinarao e equiparao os Curdos !

      • O objetivo é criar o “Grande Israel do Nilo ao Eufrates”.

        Para isso, é preciso desestabilizar o Oriente Médio, provocar guerras, dar territórios a Israel, criar a “pátria curda” (detalhe: os curdos são nômades e de origem estrangeira), provocar imigração em massa para o Ocidente para minar a unidade cultural, social, política, religiosa e étnica dos países hospedeiros para facilitar a tomada do poder por políticos inescrupulosos alinhados com os donos do dinheiro.

        O método a ser usado se chama “Terceira Guerra Mundial”. O objetivo final: a tirania da república universal. O motivo: ganância.

    • Exato!

      Há objetivos e motivos declarados (o que as pessoas acham que seja a verdade) e objetivos e motivos ocultos (a verdadeira intenção).

      Os tolos acreditam nos objetivos e motivos declarados e estão dispostos a morrer por eles.

      Se conhecessem os objetivos e motivos ocultos, não cairiam nessas armadilhas auto-destrutivas.

  2. Pessoal, um off topic: A Rússia vendeu Su-30 para o Iraque?? Saiu no Sputink. Se sim, quando foi realizado a compra??

    Sds.

    • O Iraque comprou Mi-35 e Mi-28 da Rússia, então não dá para dizer de cara se é Sputnice. Contudo sua estranho pois os Iraquianos recentemente compraram 36 F-16C/D e inclusive não têm pilotos suficientes para os mesmos.

    • O Iraque pode estar pensando em utilizar uma força aerea no sistema HI -LO , semelhante a Israel , os Emirados devem operar caças neste sistema tambem , falam no SU 35 ,somados aos F16 !

shared on wplocker.com