Defesa & Geopolítica

Argentina poderá desistir dos Mirage F1M espanhóis

Posted by

Kfir da Força Aérea da Colombia – Opção mais provável seria oferta israelense de dezoito IAI Kfir Lahav Bloco 60

O Ministério da Defesa argentino não irá comprar os 16 caças espanhóis usados Mirage F1M como fora anunciado antes, relata a revista Jane’s com referência a fontes militares argentinas.

As negociações sobre a compra dos aviões militares ficaram num beco sem saída, e os militares argentinos começaram a analisar a possibilidade de comprar outros aviões.

Entre as possíveis opções de compra estão os caças usados Mirage 2000 da Força Aérea da França ou do Brasil, e os israelenses Kfir Block 60. A última opção é a mais provável.

 

Fonte: Voz da Rússia

19 Comments

  1. César Pereira says:

    Bem os argentinos poderiam comprar os nossos Mirage 2000 , isso se o Cláudio Humberto já não os tiver levado para a Coréia do Norte,claro !kkkkk !!!!!

    Ou podem esperar agente começar a produzir o Gripen !kkk!!!!

    Agora falando sério, a Argentina comprar os antigos Mirage 2000 da FAB,é o fim da picada é muita humilhação !

    • “Bem os argentinos poderiam comprar os nossos Mirage 2000 , isso se o Cláudio Humberto já não os tiver levado para a Coréia do Norte,claro !kkkkk !!!!!”

      Rsrsrsrs… Boa!!! 🙂

  2. andrepoa2002 says:

    Pobres hermanos..

  3. pode comprar os miragem brasileiros e depois compra o gripem ,ai sim esta correto
    a espanha foi proibida pela Inglaterra e o reizinho aceitou

  4. O Kfir Block 60, sem sombra de dúvidas, é muito mais avião que o Mirage 2000C ou a variante do Mirage F1 espanhola…

  5. Ilya Ehrenburg says:

    Se eu fosse os Argentinos procuraria os franceses e procurava a negociação de Mirages 2000 + modernização… Talvez pudessem incluir a FdA, a Fábrica de Aviões de Córdoba como local e gestora das modernizações…
    É claro que o valor será maior, mas ter o Kfir como vetor principal não dá, até os colombianos se deram conta disso…

    • Caro Ilya,

      Com uma eletrônica avançada, o kfir ainda pode ser uma aeronave boa o bastante por um bom tempo; principalmente dentro do cenário latino, se adquirida em quantidade razoável…

      O Mirage 2000-5 também seria bom o bastante, mas se tomar por base o que os indianos pagaram pela modernização dos seus, me pergunto se isso é realmente interessante… E, como no caso do kfir, teria que depender de números para ter alguma valia… Aí é que o fator preço vai imperar…

      • Ilya Ehrenburg says:

        RR…
        Melhor pagar mais caro pelo que presta, no caso a modernização dos M 2000 para o traço 5, do que se equipar com vetores que terão que ser substituído em 6 meses.

    • HMS_TIRELESS says:

      Tanto os colombianos não gostaram do Kfir modernizado (bem mais capaz que os capengas Mirages 2000 que operamos até 31/12) que compraram muitos exemplares e ainda os desdobraram até o Red Flag…..

      É meu nobre amigo, você alimenta tantos preconceitos contra o pequeno e aguerrido Estado de Israel que termina por cometer esses erros. Sei que você abomina Israel por ser aliado dos EUA, sei que você até hoje não aceita que seu grande herói Gamal Abdel Nasser ter sido derrotado e humilhado pelos corajosos e bem treinados pilotos de Motti Hod, mas é preciso reconhecer os méritos do país…

      • Ilya Ehrenburg says:

        Pois é velho e enferrujado submarino de sua majestade pirata…
        Os Colombianos estão tão felizes com os seus caças Kfir cai-cai, que não falam outra coisa que não seja comprar F-16…
        😉

  6. Espero que esse mal venha para melhor.
    A Espanha, vassalamente falando foi fiel e obediente , aceitou a pressão da do grande reino (tentativa de ser) e deu pra trás.
    Desejo toda sorte a Argentina , a parte deles do Atlântico Sul está descoberta, como disse o colega quem está tomando conta por lá são “tifus” .

  7. _RR_
    6 de janeiro de 2014 at 17:58

    O Kfir Block 60, sem sombra de dúvidas, é muito mais avião que o Mirage 2000C ou a variante do Mirage F1 espanhola… ==== Gostei da ideia,e dentro de 5 anos , espero, teremos um supersônico Brasuca p vender aos hermanos,só sentar é esperar…eu creio.Sds.

    • Caro giancarlos,

      O caça nós teremos… A questão é se eles terão as condições políticas para levar adiante a compra…

      Se eles comprarem os Kfir mesmo, então isso vai acabar com qualquer chance de comprarem algo pelos próximos 10 anos, pelo menos…

  8. Os Argentinos deveriam participar do Gripen, projetando um mijadouro no aviao. Depois eles poderiam compar 15 a vista, porque sao caloteiros.

  9. Ainda sou mais um JF-17 novo! Mas acho q latino americano gosta de coisa usada…

  10. De fato o JF-17 seria perfeito pra Argentina .. em uma boa quantidade .. poderia ate tira o sono de alguns ingleses …as x o ”selo” …..made in (Israel .. EUA…etc).. pesa mais q a qualidade em si do ”vetor” … ideologia e doutrina =) … podem explicar o pq as x um pais ..descarta a compra de material ”novo” .. e opta pelo velho .. mesmo q seu preço e capacidades sejam semelhantes ….(as x ate paga mais caro por algo inferior e velho) …. vejo a Argentina como forte candidato a operar vetores chineses em um futuro breve … como o J-10 .. J-11…. quem sabe ate um stealth .. chinês…. seriam uma boa ”vitrine’ n ?? … bom vamos ver o q da .. certo e q o Kfir block 60.. se for confirmado vai ser um baita avanço pra Argentina

  11. Se for comparar eletronica e aviônica, não da nem para comparar os modernizados Kfir Block 60, com os Mirrages F1 espanhois, se se concretizar a Força aerea argentina vai sair ganhado de longe.

    E também, vai nos empurrar para ser a 6° Força aera de combate do continente, em termos de capacidade de vetor, atrás de Chile( F16 MLU, e block50) Venezuela
    (Su30) Peru( Mig 29, e Mirrage 2000 modernizados) Colombia e Argentina( Kfir Block 60, e C10)
    Isto pelo menos ate 2018 ( se não atrasar) com a entreda em serviço do Griphen NG

  12. BrunoFN
    6 de janeiro de 2014 at 22:17

    De fato o JF-17 seria perfeito pra Argentina .. em uma boa quantidade .. poderia ate tira o sono de alguns ingleses …as x o ”selo” …..made in (Israel .. EUA…etc).. pesa mais q a qualidade em si do ”vetor” … ideologia e doutrina =) … podem explicar o pq as x um pais ..descarta a compra de material ”novo” .. e opta pelo velho .. mesmo q seu preço e capacidades sejam semelhantes ….(as x ate paga mais caro por algo inferior e velho) …. vejo a Argentina como forte candidato a operar vetores chineses em um futuro breve … como o J-10 .. J-11…. quem sabe ate um stealth .. chinês…. seriam uma boa ”vitrine’ n ?? … bom vamos ver o q da .. certo e q o Kfir block 60.. se for confirmado vai ser um baita avanço pra Argentina.===== Vc está certo em sua ponderações, +, se Argentina comprar qlq caça Chines, será um susto grd p os corsários ingleseSS e n “ortori//” e acredite, são caças de boa à ótima quali//….isso poderá ocorrer,quem viver verá.Sds.

shared on wplocker.com